19 de jan de 2013

Resenha: “A Cabana” de William P. Young.

| |

A CabanaA filha mais nova de Mackenzie Allen Philip foi raptada durante as férias em família e há evidências de que ela foi brutalmente assassinada e abandonada numa cabana. Quatro anos mais tarde, Mack recebe... leia mais uma nota suspeita, aparentemente vinda de Deus, convidando-o para voltar àquela cabana para passar o fim de semana. Ignorando alertas de que poderia ser uma cilada, ele segue numa tarde de inverno e volta a cenário de seu pior pesadelo. O que encontra lá muda sua vida para sempre. Num mundo em que religião parece tornar-se irrelevante, "A Cabana" invoca a pergunta: "Se Deus é tão poderoso e tão cheio de amor, por que não faz nada para amenizar a dor e o sofrimento do mundo?" As respostas encontradas por Mack surpreenderão você e, provavelmente, o transformarão tanto quanto ele.

 

"A Cabana" é um livro religioso o que me fez hesitar antes de ler. Minha mãe disse para eu ler há uns dois ou três anos atrás e eu havia odiado o livro. Eu tinha uns nove dez anos e não entendia o que o livro queria passar. Depois que li muitos livros, resolvi dar uma segunda chance - tanto porque meu desejado "Crepúsculo: Guia Oficial Ilustrado da Série" não havia chegado - e li. O livro te envolve de um jeito difícil de explicar... Eu gostei mesmo do livro por causa da luta do pai para descobrir o que fizeram com a filha. O livro é recheado de melancolia e vemos o que uma morte pode significar para uma família. O livro te faz pensar um pouco mais sobre a sua vida, mas olhando por outro lado não tem conteúdo. Não responde a muitos questionários que Mack, o personagem principal, faz. E parece que chega a alguns pontos que o autor não tinha o que acrescentar tornando o livro forçado demais. Mas como nada é perfeito...

A pergunta que mais gira em torno é que: Se Deus é tão poderoso porque não faz nada para amenizar nosso sofrimento? Não posso dar uma resposta própria, pois iriam me comer viva. Uma das coisas que vemos em todo livro é que Mack perde sua fé por causa de sua filha - o que foi meio exagerado. Dizem que o livro foi baseado em uma história real, na história do amigo do autor. Mas o que tive certeza, que por mais que o livro seja bom, tem bastantes coisas para serem melhoradas.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

x Leia o post antes de comentar!
x Sem xingamentos.
x Comentários sem conteúdo serão ignorados.
x Se quiser que eu visite seu blog deixe o link do seu blog no final do comentário.